Notícia:

Marido mata esposa com corte no pescoço ao flagrá-la na cama com amante

Marido mata esposa com corte no pescoço ao flagrá-la na cama com amante Foto: Reprodução

Um homem de 42 anos identificado como José Rodrigues de Oliveira foi preso por suspeita de matar a esposa, Joana Paula Vieira Rodrigues, 45 anos, na madrugada desta segunda-feira (24), no bairro Vila Concordia, em Paranatinga (a 337 quilômetros de Cuiabá).

Leia também:
Jovem é encontrado agonizando em poça de sangue com um tiro na cabeça

Ao ser detido, José relatou que estaria trabalhando na colheita de uma fazenda, quando teria sido informado da traição da esposa, que estaria acontecendo naquele momento, na residência onde moravam.
 
Diante da informação, José seguiu até a casa e se deparou com um homem correndo. Ele vestia somente roupas íntimas. Quando entrou no quarto, encontrou a esposa sem roupas. José pegou uma faca e deu um golpe na esposa, que ainda tentou se defender, mas sofreu um corte nas mãos.
 
O marido continuou a golpear a vítima, até que cortou o pescoço dela, que sangrou até a morte. Após o crime, José parou em um estabelecimento perto de casa, onde ligou para a Polícia Militar e disse que iria se entregar. Algemado, ele foi colocado na viatura.
 
Os policiais foram até a cena do crime e encontraram Joana no chão, ao lado da cama, enrolada em uma coberta com um grande corte no pescoço e muito sangue. A faca estava em cima da cama.
 
A Perícia Técnica (Politec)  de Primavera do Leste foi acionada para analisar o local.  A Polícia Civil deve investigar o feminicídio, termo usado para denominar assassinatos de mulheres cometidos em razão do gênero, quando a vítima é morta por ser mulher.

 

Fonte: Olhar Direto

Comentários

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}