Notícia:

Corpo encontrado amarrado em lona plástica é de vaqueiro

Corpo encontrado amarrado em lona plástica é de vaqueiro Foto: Reprodução

O corpo encontrado amarrado em um saco de lona plástica, na manhã desta terça-feira (10), no Distrito Industrial, em Cuiabá, foi identificado pela Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec). A vítima se trata do vaqueiro Elias Miranda Silva, de 27 anos. Nas redes sociais, amigos lamentaram a morte do jovem, que deixa um filho. 

Leia também:
Mulheres são mortas a facadas e corpos enterrados em canavial; suspeito é preso

Conforme informações da Politec, a identificação se deu a partir de uma tatuagem que a vítima tinha no braço. Depois disso, foi checado em rede social, que através de fotografias, foi constatado que o corpo seria do vaqueiro. A liberação do cádaver aconteceu na manhã desta quarta-feira (10). 

A morte foi provocada por golpes de arma branca, a partir de degolamento. Segundo a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a principal hipótese é que a vítima tenha sido desovada no local, que fica próximo a um condomínio residencial.

Segundo o delegado da DHPP que investiga o caso, Marcel Gomes, o corpo estava em avançado estado de decomposição. A suspeita é de que ele estivesse no local por aproximadamente 48 horas.

"Pode-se perceber que quem realizou este tipo de crime, teve um momento para fazer todo o preparo. O corpo está embrulhado em um lençol, além da lona. Todas perícias serão solicitadas", disse.  

Até o momento, nenhum suspeito do crime foi localizado. O caso segue em investigação.

 

Fonte: Olhar Direto

Comentários

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}