Notícia:

AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS: Produtores familiares de MT começam a receber recursos de Programa

Foram pagos neste mês R$ 143 mil, disponibilizados por meio de cartão bancário, beneficiando 503 produtores rurais espalhados em 35 municípios.
AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS: Produtores familiares de MT começam a receber recursos de Programa Foto: Assessoria Seaf-MT

Os mais de 500 produtores familiares de Mato Grosso, participantes do Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar (PAA), começaram a receber os primeiros pagamentos da ação criada pelo Governo Federal e executada em parceria com os governos estaduais. De acordo com a Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (Seaf), executora do programa, foram pagos neste mês R$ 143 mil, disponibilizados por meio de cartão bancário, beneficiando produtores rurais espalhados em 35 municípios.

“Na modalidade Compra com Doação Simultânea, os alimentos comprados dos agricultores familiares atenderam 89 entidades, entre escolas, hospitais, associações beneficentes e centros de assistência social”, comenta o servidor da Seaf e responsável técnico do programa em Mato Grosso, Murilo Geller.

Ele explica ainda que o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) disponibilizou para Mato Grosso R$ 3,7 milhões, que vão sendo utilizados a medida que os produtores familiares forem entregando os produtos para as entidades beneficiadas.

Foram adquiridos somente hortaliças, verduras e legumes, frutas e grãos. No total, segundo Murilo Geller, foram comprados pelo PAA cerca de 800 toneladas de alimentos.

Puderam participar do PAA apenas aqueles agricultores familiares individuais enquadrados no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

Leia também:
Boi gordo: oferta restrita volta a elevar preços da arroba no país

Sobre o programa

O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) integra o Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (SISAN) e entre suas principais finalidades estão o incentivo da agricultura familiar e a promoção do acesso à alimentação. Para o alcance desses dois objetivos, o Programa compra alimentos produzidos pela agricultura familiar, com dispensa de licitação e valores compatíveis aos de mercado, e os destina às pessoas em situação de Insegurança Alimentar e Nutricional e àquelas atendidas pela rede socioassistencial, pelos equipamentos públicos de Segurança Alimentar e Nutricional e pela rede pública e filantrópica de ensino.

Fonte: Nortão Online

Comentários

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}