Quarta-Feira, 18 de Setembro de 2019, 06:40

Notícia:

Motorista que fugiu depois de atropelar e matar menino de 4 anos na rua é preso em MT e não tem CNH

A Polícia Civil chegou até o suspeito depois de investigações. Natã Rafaello de Abreu brincava com vizinhos quando foi atropelado no sábado (8).
Motorista que fugiu depois de atropelar e matar menino de 4 anos na rua é preso em MT e não tem CNH Natã Rafaello de Abreu, de 4 anos, morreu atropelado em Sinop — Foto: Arquivo pessoal

O motorista que fugiu depois de atropelar e matar um menino de 4 anos no final de semana em Sinop, a 503 km de Cuiabá, foi preso nessa segunda-feira (10). De acordo com a Polícia Civil, Natã Rafaello de Abreu brincava com vizinhos quando foi atropelado no sábado (8).

O nome dele não foi divulgado, mas a polícia afirmou que ele não tem carteira de habilitação.

Perito começou a analisar carro de motorista que atropelou menino de 4 anos em Sinop — Foto: TV Centro América

O acidente aconteceu na Rua Rio Preto, no Bairro Jardim Maria Vindilina. De acordo com a PM, o menino brincava com vizinhos na rua. No dia do acidente o motorista não prestou socorro, fugiu e não se apresentou à polícia.

A Polícia Civil chegou até o suspeito depois de investigações. A prisão em flagrante ocorreu por volta das 14h. Com o suspeito foi apreendido o carro que ele teria usado no dia do acidente.

Ainda no pátio da delegacia um perito começou a examinar o veículo e de imediato foi constatado que a lanterna pisca alerta direita foi trocada, o que indica uma possível alteração na cena do crime.

Um pedaço da lanterna foi encontrada na rua onde aconteceu o acidente. O suspeito prestou depoimento durante toda a tarde e permanece preso.

Segundo informações, o homem que atropelou Natã tinha passagem pela polícia e não tinha habilitação.

 

Fonte: Tv Centro Ameríca

Comentários

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}